Um dia numa casa com um adolescente!

Jesus Rodrigues Veloso, 16 anos, cabeludo e punheteiro, filho da classe média. Bem média, do tipo que é rico pros pobres e maltrapilho pros ricos. Ganhou uma guitarra magnífica e um amplificador barulhento. Passava o dia inteiro tocando uma nota só, num só tom e num só acorde. Distorcia, Wha whava, usava delay e não saía disso. Enlouquecedor.
O pai, um homem médio, mas com um pouco mais de sensibilidade não tolhia o filho, mas tentava encaminhá-lo para algo melhor. Ao passo de um mês ouvindo o mesmo bordão de fá, o pai não aguentou. Chegou perto do garoto e disse:
– Escuta aqui filhote, se você está interessado em música, por que não estuda harmonia, técnica, teoria e tudo o mais?
– Qualé velho, tu não sabe de nada!, disse o delinquente musical. “Esse negócio é besteira, merda. Cago pra virtuose. Eu uso meu feeling e não vou contaminar minha sensibilidade com esses conceitos fora de moda!”.
O pai, sempre compreensivo, retrucou:
– Meu filho, me ouça, técnica é técnica. Ou você aprende ou vai ficar nesse marasmo a vida inteira. Desde que eu lhe comprei essa guitarra você só aprendeu uma posição, fixou os dedos nela e não sai disso. Você não acha que precisa de ajuda?
– Que que há pai, qual é a tua?, interrompeu o asno musicante. “Não vem com essa do teu tempo. O negócio agora é insistência. A tua geração tava completamente perdida e só trocava de acorde porque não sabia onde enfiar os dedos. Nós, com o lance da Internet, encontramos o lugar certo. Não precisa variar”.
O pai, visivelmente resignado, virou as costas e deu o braço a torcer. Sentou-se ao meu lado, na sala de sua casa e, num gesto espontâneo ergueu a cerveja e brindou:
– Tô fudido!

Whatever teens

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Contos, Pura Estupidez

2 Respostas para “Um dia numa casa com um adolescente!

  1. Mr. J. / Mr. D.

    Sempre há o feeling. E essa guerra não acaba, nunca.Tem um selo pra vc no meu blog. Nem sei se tu é ligado nessas coisas, enfim… agora já foi!Abraço!

  2. Mr. J. / Mr. D.

    Então, o lance do selo é assim… vc publica o selo no blog, coloca ele do lado ali (na esquerda, junto dos blogs) e indica algumas pessoas cujos blogs não saem da sua cabeça.Ninguém me explicou direito tb como funciona, fiz como se costuma fazer com selos!Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s